19 de jan de 2012

BBB polemicas

Já que vocês não sabem falar de outra coisa além de Big Brother resolvi relembrar algumas polêmicas que marcaram o reality show pelo mundo. 



Arábia
Se aqui no Brasil o Big Brother gera tanta polemica, imagine o que acontece num país como a Arábia onde tudo gira em torno da religião. Na versão Arábica do reality show  a casa, que ficava em Bahrain, tinha quartos, banheiros e salas de orações, isso mesmo, SALAS DE ORAÇÕES  separados para os homens e mulheres. Os confinados só podiam se encontrar no jardim e na cozinha.  A polemica começou entre o governo e os telespectadores que reclamavam ver os seus tradicionais valores islâmicos sendo destruídos pelo programa. Até que um dos árabes confinados cometeu a OUSADIA, teve a PETULÂNCIA  de "invadir" o lado feminino da casa, é mole?! O programa então foi cancelado depois de 11 dias no ar.



Dinamarca
Na edição realizada em 2003 no país dois participantes mantinham relações sexuais dentro da casa. A sister Sissel, 20 anos, e o brother Robert, 21 anos, faziam sexo livremente e as cenas eram exibidas pela TV local ao vivo. A cegonha não se intimidou com o confinamento do casal. Sissel anunciou a gravidez logo após deixar a casa.
Outro fato que marcou a edição do reality no país aconteceu em 2001 quando os sete participantes que restavam resolveram sair para votar fora da casa????  Depois de negociações, quatro deles concordaram em voltar com a condição de que eles poderiam receber visitas enquanto estivessem confinados. 


Portugal
As coisas ficaram quentes na primeira edição do reality no país. Marco, professor de kickboxing, foi expulso da casa após chutar o rosto de Sonia durante uma discussão. Antes disso ele também teria  dado um chute no estômago de outro participante. Ta nervosa fia?



Austrália
Em 2004, a Austrália teve sua quarta edição do programa e contou com a participação de Merlin Luck um jovem de 24 anos muito louco que teve a ideia de fazer um protesto contra a detenção obrigatória do Governo australianoMerlin colocou uma fita adesiva sobre a boca enquanto segurava uma placa com os dizeres "liberdade aos refugiados" em inglês "free the refugees" e se recusou a falar durante o show ao vivo. Na noite seguinte Merlin pediu desculpas.
Na mesma edição Bree Amer foi eliminada da casa e pode se reencontrar com familiares e amigos. Após a eliminação foram descobertos erros na contagem dos votos. Ela voltou na noite do dia seguinte, segunda-feira. E Wesley que deveria ser eliminado saiu da casa na quinta feira.


Africa
Polemica na segunda edição do programa no país. O participante Richard, 24 anos, depois de beber muito em uma das festas levou Ofunneka e Tatiana para o quarto, acariciou e enfiou o dedo na vagina de uma delas, imediatamente enviaram médicos a casa e a transmissão foi temporariamente interrompida. Richard não foi expulso da casa e além de tudo foi o vencedor da disputa. Ironicamente uma das suas "vítimas", a médica assistente Ofunneka Molokwu, ficou em segundo lugar. Isso é África!!!!

Olha depois de tudo isso o Big Brother Brasil pode ser considerado fichinha!

Postado por: Sid

Nenhum comentário:

Postar um comentário